A Declaração de Imposto de Renda de 2020 e a Proteção dos dados pessoais


Agora no mês de março de 2020 está declarada e aberta a temporada para Declaração de Imposto de Renda. Então é bom ficar atento neste artigo.


E vou logo explicando que não é apenas com o Leão que você deve ficar apreensivo? E não é só com a receita que deve ter cuidado?


Você deve cuidar dos seus dados pessoais. E porquê?


Porque junto com a Declaração do Imposto de Renda vão todas as suas informações pessoais, financeira e até mesmo familiares. Por isso é fundamental ter um cuidado especial com seus dados pessoais compartilhados.


A Declaração de imposto de renda vem recheada de muitas informações pessoais importantíssimas como nome, endereço, CPF, nome dos dependentes, patrimônio, renda, investimentos, dentre outros.


Será necessário ficar atendo com quem irá dividir as suas informações e dados. O ideal é verificar se o profissional que irá cuidar das suas informações financeiras e pessoais possui políticas e procedimentos de proteção dos dados pessoais.


As informações do Imposto de Renda são um “prato cheio” para os hackers, para comercialização de dados e também para criminosos. É só dá uma pesquisada no google para verificar que atualmente estamos convivendo com grande quantidade de notícias de vazamento de dados e informações de todos os tipos de empresas e profissionais.


Não estou sendo a terrorista, a única função para esse artigo é a proteção e educação digital para que tenha cuidado com seu dado, afinal dados são vidas.


A Lei Geral de Proteção de Dados deixa bem claro que o titular, no caso você que irá fazer a declaração do Imposto de Renda, deve ter transparência do uso e proteção dos seus dados.


Então é bom começar a pensar numa mudança da sua mentalidade e começar a analisar de forma crítica quem acessa e quem está tendo acesso aos seus dados.


O Imposto de Renda possui muitas informações que são consideradas sensíveis e sigilosas, tanto que o acesso a ele é sempre burocrático e cuidadoso. Para a Lei Geral de Proteção de Dados, o vazamento dessas informações seriam dados que causariam sérios danos e impactos caso usados de forma abusiva e criminosa.


Então vou listar algumas dicas para você cuidar das suas informações que serão utilizadas na declaração do Imposto de Renda. E olhe que nenhuma delas terá relação com o Leão.


1. Garanta que profissional tenha procedimentos de proteção aos dados pessoais.

2. Contrate profissionais e empresas que estejam adequados a Lei Geral de Proteção de dados.

3. Procure saber o que será feito com seus documentos e informações enviados após finalizada a Declaração de Imposto de Renda.

4. Ao enviar documentos evite o compartilhamento por Whatsapp.

5. Faça cópias seguras dos seus documentos antes de enviar originais. De preferência na nuvem.

6. Garanta que os endereços digitais de envio estão corretos.

7. Procure verificar se seu computador tem antivírus e se seu sistema operacional está atualizado.


Por estarmos numa era digital o compartilhamento de informações passou a ser fluído e natural. Aconselho que sempre pense com cuidado antes de compartilhar suas informações pessoais, analisando bem o meio e com quem vai partilhar seus dados.


Na era digital o cuidado nunca é demais. Agora siga os cuidados, fique tranquilo e não esqueça do prazo para Declaração do Imposto de Renda que termina no dia 30 de abril de 2020.


Escrito por Fabíola Grimaldi

www.fabiolagrimaldi.adv.br

https://fabiolafgrimaldi.jusbrasil.com.br/

https://www.linkedin.com/in/fabiolagrimaldiadv/



FG Advocacia e Concultoria

-Política de Privacidade

-Termos de Uso

©by Fabíola Grimaldi